21 de janeiro de 2011

Sunrise

Tenho um Sol tão lindo e brilhante. Um brilho que me ofusca e encanta. Um Sol com mãos quentes que me percorrem o corpo, me acelerando os batimentos e arrepiando cada centímetro de mim. E com lábios também quentes que me dominam, silentes, quando de encontro a minha nuca. Lábios que me adoçam a boca e alma no segundo em que tocam os meus. Ah, meu Sol, que frio a sua ausência proporciona. Esperei horas aqui aqui sentada, só pra te ver nascer. E ainda que coberto por nuvens e tão longe lá no horizonte, teus raios me alcançaram hoje.

3 comentários:

Thainá Freitas. disse...

Claaaaaaara de ovo, lálálálá...

- Tainnah B. disse...

Onde? Não vejo nenhuma '-'

HDUASHDUS
Bocó, I hate you u.u

Anônimo disse...

Era uma vez uma princesa que vivia sozinha em seu grande castelo... (:


Lembra ? :}